Postado por Leo Mesquita on segunda-feira, setembro 06, 2010

Durante esta viagem a trabalho tenho tido a oportunidade de passar por uma situação até então nova para mim. Na verdade sempre tive muitas dúvidas sobre como deveria ser o meu comportamento para praticar corrida bem cedo pela manhã.
Nas situações anteriores, entre o momento que eu começava a correr e o momento da refeição da manhã, sempre houve um bom espaço de tempo. Assim eu tomava o desjejum ou café da manhã e tinha um tempo para fazer a digestão. Minha estratégia era acordar bem cedo e fazer a refeição. Esperar pelo menos uma hora para começar a correr.
Nestes dias da minha viagem tive a "oportunidade" de subir na esteira sem ter feito uma alimentação. Eu apenas tomei alguns goles de água e fui com a cara e a coragem. Só agora fui me dar conta do que estava fazendo. Superei um paradigma pessoal sem ter percebido. Ou só percebi agora.
Me senti muito bem todos os treinos. Não tive problemas com tontura ou cansaço além do que normalmente observo. Cheguei a correr por uma hora, queimar quase 1000 calorias. Tomar um belo banho logo após. E cerca de 30 minutos depois  do término da corrida, ai sim, tomar o café da manhã. Isto no caso de corridas no meio da semana.
Domingo fiz um longão. Ai teve uma preparação especial. Separei duas frutas no dia anterior, batatas pringles, barrinha de cereal e água. Uma refeição leve separada na véspera. Neste dia corri por quase duas horas num sol de rachar mamona, suei litros. O treino deve ter começado apenas uns 20 minutos após o desjejum. Terminei o treino, tomei um belo banho e fui fazer o meu café da manhã.
Pensando melhor sobre este assunto agora concluo que dois fatores foram essenciais para o sucesso destes treinos: ter tido uma boa noite de sono e ter ido dormir bem alimentado. Assim, ao acordar eu estava descansado e com energia muscular suficiente para suportar a carga de esforço. Fazer o café da manhã reforçado após o treino é também um conclusão. Obrigação!
Com certeza esta experiência vai me ajudar no planejamento dos meus treinos futuros.
Bons treinos a todos.

Crédito para a imagem usada neste post:
GeekPhilosopher: Instant download of free stock photos, images, backgrounds, and desktop wallpapers. Pictures can be used for personal and commercial web sites.

3 comentários:

Sergio disse...

Leo,
legal que funcionou. É testando que a gente descobre o que funciona mesmo. Mas, independente de quanto tempo você vai levar entre o momento de acordar e de correr, acho recomendável você comer alguma coisa. Às vezes a gente fica com medo de passar mal, mas isso não ocorre se comermos pouco, e os alimentos corretos. Eu, por exemplo, como 1 sanduíche de 1 pão de forma cortado ao meio com queijo minas, mais 1/2 copo de suco e 1 banana e posso correr 20 minutos depois sem problema. Mas se comer mais que isso, já era...

Leo Mesquita disse...

Com toda certeza Sérgio. Mesmo que seja uma barrinha de cereal, o ideal é comer alguma coisa antes da corrida.

Jorge disse...

Léo o bom de viajar a svc é que além de poder conhecer novos lugares podemos tambem dar aquela nossa corridinha, pois quando eu viajo a trabalho eu levo o meu kit de corrida na bagagem e acordo bem cedo para treinar também.

Bons treinos,


Um abraço,

Jorge Cerqueira
www.jmaratona.com

Search